Inscrições

Olá, estamos reformulando o sistema de inscrições, que logo retornará para melhor atendê-lo, por hora as inscrições devem ser feitas pela própria federação organizadora.
Aniversariantes do mês

02/12
Jenniffer Figueiredo de Meira Lima - PB
06/12
Rosen Lima dos Santos - PB
11/12
- PB
12/12
- PB
17/12
Maria Tereza Sarmento - BA
21/12
- PB
29/12
Lucas Dantas Medeiros - PB
 

Imagem 1
Imagem 2
Imagem 3
Imagem 4


Notícias

Medalhista olímpico Felipe Azevedo é o homenageado no GP do Internacional nos 75 anos da Hípica Brasileira
25/11/2013 - Fonte: CBH

Entre as duas passagens do Grande Prêmio do Internacional do Rio, nesse domingo, 24/11, a Sociedade Hípica Brasileira e Federação Equestre Internacional ao ao medalhista olímpico e cavaleiro veterano Luiz Felipe de Azevedo que está completando 60 anos de idade em plena atividade esportiva. O ginete carioca, considerado um lenda viva do hipismo, recebeu uma placa comemorativa na presença da família e amigos e agradeceu a todos pelo apoio irrestrito nos seus mais de 50 anos de carreira, que começaram na Hípica do Rio.

Trajetória ímpar

Carioca, nascido em 17 de agosto de 1953, o cavaleiro olímpico Luiz Felipe de Azevedo, o Felipinho, considerado um dos mais talentosos cavaleiros brasileiros de todos os tempos, acaba de comemorar seu 60º aniversário.Com uma carreira de incontáveis vitórias, Felipinho, tricampeão brasileiro senior 1974, 1997 e 1985 e diversas vezes vencedor nos principais GPs no país, representou o Brasil em todas as principais competições internacionais.

No Pan-americano de Caracas de 1983, fez parte da equipe que se classificou na 6ª posição com MC Tambo Nuevo. Em 1987, nos Jogos Pan-americanos de Indianápolis, Felipinho integrou a equipe 4ª colocada, montando MC Grilo. Em 1991, o cavaleiro e Silvestre conquistam a medalha de ouro por equipes no Pan-americano em Cuba.

Felipinho também é recordista em provas de potência (salto em altura). Em 1982, no Clube de Campo São Paulo, montando MC Tambo Nuevo, estabeleceu o recorde de salto em altura sob sebe irlandesa a 2.31 metros, empatado com Ricardo Gonçalves Filho com Complicado. Marca que veio a ser superada 20 anos depois no CSIO de Roma, em 2002, quando ultrassou a marca 2.32 metros em salto sobre muro na Piazza di Siena.

Em 1996, Felipinho integrou o time que garantiu a primeira medalha olímpica do Brasil com o bronze por equipes montando Cassiana Joter. Quatro anos depois, em Sydney 2000, Felipinho montando Ralph formou o time que conquistou o 2º bronze olímpico para o Brasil.

Parabéns a esse eterno grande campeão ! Muitas conquistas ainda estão por vir.


Comente | Comentários desta Notícia (0)


Outras Notícias
federações FILIADAS

nossos PARCEIROS


mídias SOCIAIS




nosso ENDEREÇO

Circuito N-NE de Hipismo
Fone.:(81)3343-5970/(81)3343-4837 | hipismo@hipismonortenordeste.com.br

Av. Bernardo Vieira de Melo, 428 - Sala 204
Piedade - Jaboatão dos Guararapes - Recife-PE | CEP: 54.440-620